Zecax - Avô Sara

terça-feira, janeiro 21, 2014 0 comentários





















Autor: Zecax
Titulo: Avô Sara
Formato: CD, 2X
País: Angola
Tamanho: 276.6Mb
Duração: 02h:00min.
Data de Lançamento: 08.12.2013
Género: Semba, Rumba, Bolero, Kilapanga, Dance
Edição e Publicação: Xicote Produções
URL:

Faixas:

CD 1

1 Panxita
Kicola Jr./Mike Mota/Zecax
2 Dikota
Zecax
3 Fim de Semana (Remix)
Zecax
4 Man Dadão
Zecax
5 Minha Txukinha
Zecax/Manya
6 Dixikudilu
Kipuka
7 Sou do Semba
Zecax
8 Não Importa
Zecax
9 Monami
Zecax
10 Mulher Angolana feat. Grupo Kituxi
Filipe Zau/Filipe Mukenga
11 Panxita (DJ Manya Remix)
Zecax

CD 2 (Memórias)

1 Angélica
Zecax
2 Caminhar
Zecax
3 Chapada
Zecax
4 Colono
Zecax
5 Contentor
Zecax
6 Fim de Semana
Zecax
7 Imperialista
Zecax
8 Makongo
Zecax
9 Makota Mami
Zecax
10 Marika
Zecax
11 Maximbombo
Zecax
12 Ngongo
Zecax
13 São Pedro
Zecax
14 Tita
Zecax



Zecax - Man Dadão

Esta é a história do kota adão
Depois de criar os filhos 
Saíram ingratos

Eh! eh!

Dadão piriquito viu o prosperar
Marceneiro de profissão
Sacrifícios consentia 
Só pra vida melhorar

Dadão piriquito viu  prosperar
Marceneiro de profissão
Sacrifícios consentia 
Só pra vida melhorar

Bumbando aqui
Bumbando ali
Duziu um cubico no Zengá
Bumbando aqui
Bumbando ali
Duziu capelé no Prenda
Bumbando aqui
Bumbando ali
Cangou kelembé no Rangel
Pouco dado a boémia
Kota Dadão foi um bumbador

Sua prole de kandengues
Mania, Manucho e Bebucho
Pouco ou nada lhes faltara 
Do suor do kota Adão

Três filhos o kota Adão fez

Sua prole de kandengues
Mania, Manucho e Bebucho
Pouco ou nada lhes faltara 
Do suor do kota Adão

Instrução não lhes faltou
Tiveram carinho amor
Dadão sempre lhes prestou 
Atenção e proteção
Dadão sempre lhes prestou 
Atenção e proteção

Como vocês estão a perceber
Os miúdos querem empurrar já o kota Dadão 
Antes da hora
Por causa da herança
Hum!!

Como o tempo não perdoa
A idade vergou Dadão
Já sem o vigor de outrora
Aí seu corpo adoeceu

Como o tempo não perdoa
A idade vergou Dadão
Já sem o vigor de outrora
Aí seu corpo adoeceu

Mas Dadão não coiou ainda
Seu património já é mambo guda
Os kandengues de brulho
Atrás dos cubico
Da maçaroca no Banco
Dos terrenos na Funda
A doença que lhe cangou 
Já não é só da velhice
Até parece macumba 
Desses kandengues malaicos
Até parece macumba 
Até parece kizango

Kota Adão é forte

Mas Dadão não coiou ainda
Seu património já é mambo guda
Os kandengues de brulho
Com os olhos nos cubico
Da maçaroca no Banco
Dos terrenos na Funda
A doença que lhe cangou 
Já não é só da velhice
Até parece macumba 
Desses kandengues malaicos
Até parece macumba 
Até parece quizango

Fizeram tudo mas tudo 
Para empurrar o kota Adão
Só que o kota Adão é rijo!!

Não parou 

Até parece macumba 
Até parece quizango

Até parece macumba 

Até parece quizango...

0 comentários:

 

©Copyright 2011 Dikanza | TNB